GAZETA DO SUL - CONSTRUÇÃO & DECORAÇÃO 78

Publicado no caderno Construção & Decoração esdição 78, pela Gazeta do Sul, o projetos de duas clinicas médicas. 

 

Criteriosas criações

Arquitetos Ana Baumhardt e Milton Keller, do escritório Arquitetura Contemporânea, projetam dois estabelecimentos de saúde com o know how da arquitetura hospitalar


No primeiro trabalho, de uma clínica de coloproctologia, o médico titular recorreu aos profissionais devido à especialização que possuem na área, enquanto ainda se dedicava à residência em São Paulo. Assim, quando veio estabelecer-se em Santa Cruz do Sul, a execução da obra já estava em andamento. O projeto, bastante criterioso em virtude de sua especificidade, atende a um programa de necessidades bem detalhado, sem deixar de lado a elegância e conforto na ambientação.

 

1, 2 e 3 | Um revestimento melâmínico com padrão linho foi empregado nos ambientes, contrapondo-se com suavidade ao branco que evidencia a higiene. Na recepção, papel de parede e efeitos luminotécnicos em painéis, sancas, gessos e nichos contribuem na humanização do espaço. Já as cadeiras e poltronas, a exemplo das utilizadas nas demais dependências da clínica, são em material lavável, também para maximizar a limpeza.
4 | A fim de proporcionar conforto e agilizar o atendimento, a clínica possui dois consultórios idênticos, com sala de entrevista e, separada apenas por uma porta em espelho grigio, sala de exame e diagnóstico. Enquanto um paciente está com o médico em um dos consultórios, o outro é preparado para receber o próximo paciente, e assim sucessivamente. O mobiliário é em melamínico e pintura fórmica, os tampos em nanomarmogless e as cortinas em tela solar, tudo adequado às exigências sanitárias para estabelecimentos de saúde. Da mesma forma, a cuba para higienização das mãos possui sensor para evitar o toque.
5 | A clínica conta ainda com Central de Material Esterilizado, com tampos em aço inox e equipamentos para a higienização de instrumentos de trabalho.
6 | Os princípios da especialização dos arquitetos em arquitetura hospitalar foram utilizados igualmente no projeto deste conjunto de consultórios médicos de três especialidades diferentes, apresentado à direita. Na recepção foram utilizadas tendências atuais, como a presença de uma cor vibrante, elementos diferenciados de design, como o quadro de hastes em aço-inox, encomendado especialmente para o ambiente, e iluminação que valoriza ainda mais o espaço. A área de trabalho da secretária, embora integre-se à sala de espera pela transparência, é resguardada por uma estrutura que lhe garante privacidade e impede o acesso nos momentos em que a profissional assessora um dos médicos e não se encontra no posto.
7 | Entre os consultórios, o ocupado por uma médica ganhou traços mais femininos, sem conflitar com a praticidade e funcionalidade. A bancada em vidro conferiu leveza. As poltronas e cadeiras deste e dos demais espaços são revestidas em material vinílico ou couro ecológico, que facilitam a limpeza.
8 | Para exame, diagnóstico e alguns procedimentos, o consultório, de dermatologia, conta também com poltrona apropriada e bancada que serve de base para instrumentos e equipamentos, como o autoclave para esterilização. A iluminação é projetada especialmente para a atividade médica e as cores claras identificam a higiene do espaço.